recomendar este canal

Iniciativa Voluntários para a Ajuda da UE

EU AID Volunteers
EU AID Volunteers
ver Links Links relacionados
Voluntariado internacional

Uma iniciativa da Comissão Europeia, DG ECHO - Direção-Geral da Proteção Civil e das Operações de Ajuda Humanitária Europeias

A Iniciativa Voluntários para a Ajuda da UE, representa a iniciativa da União Europeia para o período de 2014-2020 que permitirá a mais de 18.000 cidadãos a oportunidade de se oferecerem como voluntários para várias operações humanitárias levadas a cabo em todo o mundo, mediante um tempo limitado.


Esta iniciativa será executada em estreita colaboração com organizações humanitárias.

 

Objetivos

 

- Reforçar a capacidade da UE no plano da assistência humanitária assumindo os valores da preservação da vida, prevenção e alívio do sofrimento humano e


- Reforçar a capacidade e a resiliência das comunidades vulneráveis ou afetadas por catástrofes em países terceiros.

 

Para participar

 

- Ter mais de 18 anos e
- Ser cidadão europeu ou
- Residente de longa duração na UE ou
- Ser cidadão de um país aderente, país candidato, país potencial candidato, país da PEV ou ainda país incluído na Associação Europeia de Comércio Livre

 

Nota: Cidadãos não europeus que residam em países afetados por catástrofes pode participar em iniciativas locais.

 

Perfis dos voluntários

 

- Jovens que queiram ganhar experiência no setor humanitário
- Especialistas em qualquer campo ligado à ajuda humanitária
- Aposentados que queiram colocar o seu conhecimento em prole dos outros

 

Todos os voluntários receberão formação, podendo passar alguns meses em estágios de aprendizagem num Estado-Membro antes de serem enviados para o terreno.

 

Os voluntários inexperientes não serão enviados para projetos onde a segurança é uma preocupação.


A Iniciativa contempla também a modalidade de voluntariado on-line, onde os cidadãos podem participar sem terem de sair do seu país, através de traduções, design gráfico, suporte informático, etc.

 

Direitos e obrigações financeiras

 

Cada voluntário, enquanto pessoa não assalariada, terá direito a ajudas de custos, subsídio de reinstalação, cobertura de seguro, alojamento e viagens. Assim ser-lhe-á pago um montante fixo que deve ser entregue a tempo útil e em intervalos regulares.

 

Seguro

 

Todos os voluntários serão cobertos por um seguro completo, especificamente concebido para sua proteção durante todo o período de destacamento em países terceiros, bem como nos períodos que antecedem e se seguem à missão.

 

Fonte oficial

 

EU Aid Volunteers [en]

 


Última atualização: 2015-02-14


 

Este conteúdo tem como único objetivo divulgar esta atividade, todos os pedidos de informação e dúvidas devem ser dirigidos à respetiva entidade, cujo contacto poderá ser acedido através do link de acesso à fonte oficial.