recomendar este canal

Prémio da União Europeia para a Literatura

Prémio da União Europeia para a Literatura
Prémio da União Europeia para a Literatura
ver Links Links relacionados
Comissão Europeia

Atribuição anual

A Comissão Europeia lançou o prémio da União Europeia para a Literatura contemporânea. A primeira edição do prémio teve lugar no Outono de 2009, por altura das comemorações do Ano Europeu da Criatividade e Inovação.

 

Objetivo

Prémio

Destinatários

Critérios de elegibilidade

Financiamento

Curiosidades

Contactos em Portugal

Fonte oficial

 


 

Objetivo

 

Valorizar a criatividade e património da literatura europeia contemporânea, promover maior circulação da literatura dentro da Europa e estimular mais interesse pelas obras literárias além das fronteiras nacionais.

 


topo

O prémio

 

O prémio da UE para a literatura consiste na nomeação de um Embaixador para a literatura e na eleição de um jovem talento de cada um dos países participantes. Os vencedores recebem também um prémio com o valor pecuniário de 5 000 EUR.

 


topo

Destinatários

 

Anualmente, 12 ou 13 dos 37 países que participam no Programa Europa Criativa deverão selecionar um jovem romancista que será laureado com o Prémio Europeu de Literatura.

 

 


topo

Critérios de elegibilidade

 

De forma a serem elegivéis os autores selecionados devem cumprir os seguintes requisitos:

  • Ser cidadão de um dos 12 ou 13 países selecionados;
  • Ter entre 2 e 4 livros de ficção publicados;
  • Os livros deverão ter sido publicados até 5 anos antes da data do prémio.

 


topo

Financiamento

 

Este prémio é financiado pelo Programa Cultura criado pela  Decisão n.º 1855/2006/CE do Parlamento Europeu e do Conselho de 12/12/2006 (JO L 372 de 27/12/2006), vertente 1.3 intitulada "ações especiais".

 


topo

Curiosidades

 

Em 2009, recebeu o prémio a escritora portuguesa Dulce Maria Cardoso, com a obra «Os Meus Sentimentos».

 

Em 2012, o escritor português Afonso Cruz foi igualmente distinguido, com a obra «A Boneca de Kokoschka».

 

Em 2015, recebeu o prémio o escritor português David Machado, com a obra «Índice Médio de Felicidade».

 

Conheça aqui [en] todos os premiados.

 

Desde o lançamento do prémio em 2009, o programa «Cultura» da UE (2007-2013) e o programa Europa Criativa (2014-2020) concederam apoio financeiro a 203 traduções dos 56 livros vencedores do PLUE, em 20 línguas diferentes.

 


topo

Fonte oficial

 

Sítio Internet do Prémio da União Europeia para a Literatura [en]

Vencedores 2017 [en]

Juris 2017 [en]

Cerimónia de Entrega de Prémios 2017 [en]

 


 

Esta informação não dispensa a consulta do anúncio e regulamento oficial.

Pedidos de informação sobre este prémio devem ser dirigidos à respetiva entidade, cujo contacto poderá ser acedido através do link de acesso ao sítio oficial.