recomendar este canal

Prémio Jacques Delors 2008

Prémio Jacques Delors
Prémio Jacques Delors
ver Links Links relacionados
Cerimónia de entrega

30 de Junho de 2008, 18 horas, Protocolo de Estado | Ministério dos Negócios Estrangeiros

A cerimónia de atribuição do Prémio Jacques Delors 2008 teve lugar a 30 de Junho, pelas 18 horas, na Sala do Protocolo de Estado, do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

 

A cerimónia de atribuição contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Europeus, Manuel Lobo Antunes, do Governador do Banco de Portugal e Presidente do Júri, Vítor Constâncio, dos restantes membros do Júri e do Presidente da Fundação Calouste Gulbenkian, Rui Vilar.

 

Os trabalhos vencedores da edição de 2008 incidem sobre temáticas relacionadas com a convergência económica dos Estados-Membros da UE, o direito comunitário e a política orçamental.

 

Vencedores

 

O Prémio Jacques Delors, este ano, foi atribuído ex-aequo a:

 

A tutela judicial provisória dos particulares no âmbito do direito comunitário, de Mariana de Sousa e Alvim

O impacto da educação, da inovação e da saúde no crescimento e na convergência económica entre os Estados-Membros da União Europeia, de Emmanuel José Amaral

 

Menções honrosas

 

  • «Ensaio sobre a hipótese da não linearidade dos efeitos da política orçamental na União Europeia», de Sofia Alexandra Bento Costa
  • «Constitucionalismo europeu - auto-reprodução e hierarquias entrelaçadas no sistema constitucional europeu», de Regis Anderson Dudena

 

Prémio

 

Edição das obras vencedoras e uma compensação pecuniária de 5000€

 

Júri

 

  • Vítor Constâncio, Governador do Banco de Portugal e Presidente do júri
  • Isabel Mota, Administradora da Fundação Calouste Gulbenkian
  • José Paulouro das Neves, Embaixador

 

Patrocinadores

 

Banco de Portugal
Fundação Calouste Gulbenkian

 

 

Editora

 

Principia

 

Prémio Jacques Delors 2008

 

O Prémio Jacques Delors visa a promoção de obras inéditas e em língua portuguesa, sobre temáticas da União Europeia, sendo privilegiadas as que incidam sobre temas actuais e inovadores da realidade europeia. 

 

Sendo atribuído anualmente, até à edição de 2006 a sua designação referia-se ao ano da abertura do concurso. A partir da 2008, passa a reportar-se ao ano da sua divulgação.

 

 


Última actualização: 2008-08-19